26 de ago de 2016

Sem paciência para a Transição Capilar


Sabe aquele dia que a gente acorda com o cabelo todo fuá porque passou a semana toda com ele preso? Pois é somente hoje percebi que estava usando ele preso demais por causa da transição, e isso é um crime para nossos cabelos, principalmente para quem tem cabelo afro.

Então hoje acordei decidida a me livrar de 4 dedos do comprimento do cabelo, além de ficar mais fácil para eu usar ele solto, estimular o crescimento, e assim apressar o processo de transição.


E afinal de contas porque eu manteria tanto cabelo até a hora do big chop, é gasto de creme, tempo extra para tratamentos, em um comprimento que mais cedo ou mais tarde irá ser todo cortado.

Peguei um creme de pentear, espalhei pelo cabelo todo, e com o uso de um pente de dentes largos, desembaraçei e penteei todo o cabelo. E com uma tesoura bem afiada puxei as duas partes laterais para frente e cortei. Depois a parte de trás eu amarrei e corte com a tesoura mais 4 dedos.

E pronto, vamos seguindo com a transição com os cabelo mais curtos, mais leves e com menos gastos.

Antes e depois com o cabelo seco




Antes molhado de depois do corte



Resultado final

E vamos avançando pessoal, não desanimem de suas transições, se o cabelo começar a embolar, dar nós, ficar ressecado, não se intimidem, deem um corte para reavivar as madeixas. Ainda não estou preparada para o grande corte final que é o big chop. Mas com certeza irei sempre ir cortando para não deixar que os efeitos de um cabelo em transição me desanimem.

Beijos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são moderados. Se fez uma pergunta, volte para ler sua resposta
Seu comentário é muito importante!! Então peço que deixe seu nome/url
(identifique-se)

******Atenção críticas construtivas serão aceitas, mas comentários ofensivos serão deletados. O Blog da Preta respeita o leitor, portanto respeite a autora.*******
O art. 5° da constituição federal diz:
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
V - é assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além da indenização por dano material, moral ou à imagem;


Leia também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
onselectstart='return false'