18 de set de 2015

o Low/no poo e a química: desabafo sobre a técnica

Olá, hoje eu não ia fazer postagem, já tinha até avisado na fanpage do Blog, mas não deu. As palavras surgiram, as ideias brotaram e o desabafo veio junto.
Todo mundo que acompanha o blog sabe que eu estava fiel a técnica do low poo, e os resultados foram super positivos, não há como negar, posso numerar várias coisas boas para o cabelo tipo 4.
Foto meramente ilustrativa

São eles:

Cabelos desembaraçados
brilhosos
soltos
definição acentuada
sentimento de liberdade
Força
etc etc

Porém eu uso quimica, e sei que vou contrariar muita gente agora(não ligo, tenho autonomia de escrever minhas pesquisas e experiências). E o permanente afro tem parafina, assim como o relaxamento com hidróxido, cálcio, sódio etc.
E meu cabelo mesmo estando livre dos petrolatos, levou uma carga descomunal de parafina ao passar a química, de tal forma que ficou poroso(clique aqui). E mesmo lavando não há shampoo anti residuo que retire a química, não, não há, mesmo que a internet seja lotada de "milagres", só a tesoura pode retirar a quimica de transformação. Fato! E mesmo que cabeleireiros afirmem que tem a fórmula para isso, eu ainda continuo com a palavra dos engenheiros e graduados em Química. Tesoura e ponto final.

Não há como negar, a técnica no/low pow funciona 100% em cabelos naturais sem químicas e também funciona nos crespos quimicados, mas o meu permanente tem parafina.
Então de que adianta fazer a técnica e ser fiel a ela se o cabelo vai ser transformado com parafina na hora de passar química?

Por esse motivo enquanto eu estiver quimicada, resolvi equilibrar as coisas, então uso produtos liberados e não liberados. Foi o modo que encontrei para não causar traumas posteriores ao meu fio.
Mas se um dia eu resolver ser natural, ai sim adeus parafina. Não estou desestimulando ninguém, apenas compartilho minha experiência.

A técnica não é tão fácil assim, pois as vezes é dificil achar alguns produtos, mas empresas tem investido, nem todos os produtos vem com filtro solar que é essencial nesse clima tropical de torrar os nervos. Mas as empresas brasileiras estão se adaptando tornando a vida de quem foge dos proibidões bem mais prática.

Estou estudando e aprendendo muito sobre o cabelo 4C, mas quem me segue sabe que antes de explanar qualquer coisa eu testo em mim. E sim tenho noticias e descobertas muito boas para as quimicadas e as naturais, mas por enquanto vou permanecer em silêncio.

Beijos


Um comentário:

  1. Não percebo muito deste tema nem sou especialista em cabelos, mas uma coisa é certa, todo o tratamento se é bom para os cabelos naturais, será igualmente bom para os fios com químicos. Por isso, não deixe de fazer o seu low/ no poo só porque tem ou viu alguém fazendo com cabelos quimicamente tingidos.

    - Os nossos fios amam ser paparicados, tal como nós :)

    *XoXo
    Helena Primeira
    Helena Primeira Youtube
    Primeira Panos

    ResponderExcluir

Todos os comentários são moderados. Se fez uma pergunta, volte para ler sua resposta
Seu comentário é muito importante!! Então peço que deixe seu nome/url
(identifique-se)

******Atenção críticas construtivas serão aceitas, mas comentários ofensivos serão deletados. O Blog da Preta respeita o leitor, portanto respeite a autora.*******
O art. 5° da constituição federal diz:
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
V - é assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além da indenização por dano material, moral ou à imagem;


Leia também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
onselectstart='return false'